Escultura de parede cobre – Série Fitas

Escultura para parede Dourada, da série Ciclus, tem design instigante e sofisticadamente atraente. Assinada por Mario Lopomo. Diferenciada, marca com classe e estilo o seu espaço!

SKU: 28508 Categorias: ,

Escultura de parede cobre – Série Fitas

Além de Transmitir personalidade e caráter cultural ao ambiente, a escultura para parede promove a valorização dos espaços,  por meio do toque de charme e descontração…

Escultura de parede cobre tem linhas modernas, é  um produto autoral, feito de forma 100% artesanal. Da série fitas, sua tira se dobra e desdobra, criando um design bastante atraente. Portanto, é uma peça que marca com classe e estilo seu espaço.

  • Descrição: Escultura com design moderno, feita em polímero modelado e laminado com folha metálica .
  • Designer: Mario Lopomo.
  • Material: policarbonato e folha de metal
  • Cor: Cobre envelhecido

Dimensões aproximadas: (por ser 100% artesanal dificilmente duas peças têm o mesmo tamanho ou formato…)

  • Altura:  157 cm
  • Largura: 26  cm
  • Profundidade: 16 cm

Curiosidades:

  • A princípio, a escultura, como é conhecida atualmente, surgiu no Oriente Médio. Portanto, foi uma das últimas artes a serem desenvolvidas durante a Idade Média, talvez pelo apelo sensual. … Entre os séculos XIX e XX,  podemos citar, por exemplo:  Constantin Brancuse e August Rodin, dois mestres da escultura que influenciaram vários outros artistas sendo Rodin considerado por muitos como o pai das esculturas modernas.
  • Todavia, as esculturas de parede contemporâneas trazem personalidade para a decoração e podem ser encontradas em diferentes tamanhos, formatos, cores e materiais. Elas dão forma e movimento ao espaço, agregando assim um toque criativo e ousado aos ambientes da casa.
  • Cada ambiente deve imprimir um estilo decorativo particular. Assim, antes de investir na compra de uma escultura de parede é importante avaliar se o estilo da peça  condiz com o ambiente em que será exposta.
  • O Ateliê de Mário Lopomo é multidisciplinar e transita na tênue linha que delimita arte e design. As peças por ele desenvolvidas são únicas, pois duas peças do mesmo modelo nunca saem iguais, mas mesmo assim são sempre feitas em pequenas tiragens.